Novelas e Séries

sab > 19:15

Viver do Riso

Episódio 8 – Os Limites Do Humor

Esse episódio documenta a história e a importância do humor para driblar a censura e conseguir fazer graça até com situações políticas sérias. Como os humoristas foram pegando a “manha” em fazer humor e “cutucar” o governo de forma indireta, durante os 20 anos de ditadura militar? Foi uma linguagem que se desenvolveu desde o Teatro de Revista até linhas mais transgressoras, como o jornal “O Pasquim”. No decorrer da história, o riso popular permitiu que se criasse uma cultura da divergência. O humor teria se tornado uma arma contra regimes repressivos?

Com entrevistas com Claudio Paiva, Hélio de la Peña, Fábio Porchat, Gregório Duvivier, Danilo Gentili e outros, documentamos como é o processo criativo da sátira social e política durante grande momentos na história do Brasil. Nesse episódio focamos em Teatro de Revista, chanchada e programas humorísticos de variedade (“Viva o Gordo”, “Casseta e Planeta” e especialmente o “TV Pirata”, que terá uma reunião de vários nomes de seu elenco).

A investigação histórica/homenagem foca principalmente em Agildo Ribeiro, que tem uma conversa muito divertida com Ingrid Guimarães.

O programa também explora a questão do politicamente correto e dos limites do humor, a partir de conversas com nomes como Rafinha Bastos, Ary Toledo, Marcius Melhem, Monica Iozzi e Marcelo Adnet, além de outros nomes do “Tá no Ar” e do “Casseta e Planeta”.

Arquivo word Copiar texto